Paróquia São Judas Tadeu – Catanduva

Sobre a Paróquia.

Gustavo Antônio da Silveira – Pároco Atual

A princípio, Catanduva era uma só paróquia, a de São Domingos, com a expansão da cidade e o crescimento populacional, tornou-se necessária a criação de outras paróquias. Foi assim que surgiu a paróquia do Santuário de Nossa Senhora Aparecida. Daí o anseio de todos os bairros e vilas de ter a sua igreja.
Assim sendo, aos 10 de dezembro de 1959, reuniram-se na casa nº 1445 da Rua Ceará, os senhores Benedito Domingos Sanches, Antonio Rodrigues de Andrade, Jorge Soares, Mário Antônio Couto, Vergílio Bortolatto e Luiz Garbim, para tratar da construção de uma igreja na Vila Amêndola. O terreno para isso já fora conseguido, doado pela imobiliária São José, localizado na quadra I, entre as ruas Itajobi, Novo Horizonte e Uchôa, medindo 61,5m por 55m.
Aos 10 de dezembro de 1959, reuniram-se novamente as pessoas interessadas na construção da igreja e constituiu-se a primeira comissão para esse trabalho.
Na reunião de 03 de dezembro de 1960, foi comunicada a compra de um barracão e de telhas, já colocados no terreno da futura igreja.
A 19 de março de 1961, Pe. Atílio Garrone, doutrinário, ai celebrou a primeira missa da Vila Amêndola; a 29 do mesmo mês foi rezada a primeira Via Sacra. Surgiu, logo após, o primeiro centro de catecismo, com 250 meninos.

Vicente Bortolato – Vigário Atual

A 8 de julho de 1961, foi implantado no terreno um cruzeiro, vindo da Matriz de São Domingos, em procissão, sob comando do Pe. Atílio, referido cruzeiro fora bento por sua Excia Revma. D. Lafayette Libânio, bispo de São José do Rio Preto.
A 27 de agosto de 1961, realizaram-se as solenidades de lançamento da pedra fundamental da Igreja de “São Judas Tadeu”, com a presença de sua Excia. Revma. D. Lafayette Libânio, Mons. Albino. Pe. Atílio Garrone, Pe. Ernesto Ferrero, Pe. José Valsânia, Pe. Cesar Cauda, Srs. Constante Frederico Ceneviva, presidente da Câmara Municipal; Iran Silva, representante do Sr. Prefeito Minicipal, autoridades diversas, seguiu-se missa, celebrada pelo Pe. Atílio Garrone.
Na ocasião, o Sr. Bispo declarou ser seu desejo que a nova Igreja seja denominada “Santuário São Judas Tadeu.
A partir de outubro de 1965, Pe. José Seminati Filho, Doutrinário, assume celebrar missa todo último domingo do mês, orientar a reza do terço todas as noites, e toda sexta-feira dar instrução religiosa aos adultos, estabeleceu o catecismo para as crianças, aos domingos.
A 27 de março de 1966, foi celebrada a primeira missa na Igreja, depois de coberta. Em abril do mesmo ano, Pe. Agostinho Ferrero, Doutrinário, começa a prestar serviços à nova igreja.
Na reunião de 09 de outubro de 1966, foram dados ao conhecimento de todos, os limites da paróquia de São Judas Tadeu: parte do início da rua Olinda, junto ao córrego Minguta, segue pelo lado esquerdo desta rua até a rua 7 de fevereiro, e pelo lado esquerdo desta até o campo de aviação, à esquerda. A seguir caminha com a avenida Aeroporto, atual avenida Orlando Zancaner, até a Via Washington Luis, seguindo pela divisa da Fazenda São José até a divisa do distrito de Elisiário e por esta divisa até a divisa do município de Itajobi. Segue por essa divisa em direção à divisa dos municípios Catanduva-Pindorama, atingindo novamente a Via Washington Luis, caminhando por esta até o córrego Minguta, e descendo por ele até o ponto inicial acima descrito, rua Olinda.
No dia 28 de setembro de 1976, D. José de Aquino Pereira, Bispo Diocesano de São José do Rio Preto, atendendo ao bem espiritual do rebanho a Ele confiado, houve por bem erigir canonicamente a Paróquia de São Judas Tadeu. Seu primeiro pároco foi o Revmo. Cônego Oscar Serra do Amaral, nomeado a 17 de novembro de 1976 e empossado dia 28 de novembro de mesmo ano.
A 09 de setembro de 1985, no Hospital Padre Albino, às 4:30 falecia o Cônego Oscar, que foi velado na igreja e sepultado às 17:30hs, na capela do cemitério N. Sra do Carmo, junto com Monsenhor Albino.
Após a morte do cônego Oscar, o Sr. Bispo Diocesano encarregou o Vigário Forâneo de Catanduva, Pe. Sylvio Fernando Ferreira, e o 1° tesoureiro, do Conselho Paroquial, Alcides Colombo, para tomar conta da Paróquia até a nomeação do novo Pároco e Vigário Paroquial. A 20 de dezembro de 1985, o sr. Bisbo Diocesano Provisionava e nomeava o Conselho Paroquial de São Judas Tadeu para o ano de 1986.
A 23 de janeiro de 1986, o Sr. Bispo nomeava Pe. José Seminati Filho, Doutrinário, e Pe. Ernesto Ferrero, também Doutrinário, respectivamente Pároco e Vigário Paroquial da Paróquia São Judas Tadeu. A posse se deu a 01 de fevereiro do mesmo ano, na missa das 19:00h, quando foi lida para os fiéis a provisão so Sr. Bispo.
Em 1988, assumiram os trabalhos da paróquia Pe. Ernesto Ferrero, como Pároco, e Pe. Edson Pátaro como Vigário Paroquial.
Em 1989, Pe. Ernesto continua como Pároco, e Pe. Valdecyr do Espírito Santo, assume como Vigário Paroquial.
Nestes quase quatro anos de presença dos Padres Doutrinários na comunidade de São Judas, foi incrementado o trabalho espiritual, tanto no plano de extensão como no de aprofundamento.

Pastorais e Movimentos:

E.C.C. – Clube das Mães – Apostolado da Oração – Cursilho Círculo Bíblico – Coroinhas – Legião de Maria – Ministros – Catequese – Pastoral da Comunicação – Pastoral da Criança – Pastoral da Liturgia – Pastoral do Dízimo – Vicentinos – Setor de Celebração Matrimonial.

Principais eventos:

Em junho: São Pedro Km7; Em julho: Julhinão e São Cristóvão e Outubro Padroeiro.

Imagens da Paróquia

 

Padroeiro da paróquia.

São Judas Tadeu – Dia do padroeiro 28 de outubro

São Judas Tadeu era natural de Caná da Galiléia, na Palestina. Sua família era constituída do pai, Alfeu (ou Cléofas) e a mãe, Maria Cléofas. Eram parentes de Jesus. O pai, Alfeu, era irmão de São José; a mãe, Maria Cléofas, prima irmã de Maria Santíssima. Portanto, Judas Tadeu era primo irmão de Jesus. O irmão de Judas Tadeu, Tiago, chamado o Menor, também foi discípulo de Jesus.

A Bíblia trata pouco de Judas Tadeu. Mas aponta o importante: Judas Tadeu foi escolhido por Jesus, para apóstolo (Mt 10,4). É citado explicitamente nas Escrituras pelo evangelista João (Jo 14,22). Na ceia, Judas Tadeu perguntou a Jesus: “Mestre, por que razão hás de manifestar-te só a nós e não ao mundo?” Jesus lhe respondeu afirmando que teriam manifestação dele todos os que guardassem sua palavra e permanecessem fiéis a seu amor. Após ter recebido o dom do Espírito Santo, Judas Tadeu iniciou sua pregação na Galiléia. Passou para a Samaria e Iduméria e outras populações judaicas. Pelo ano 50, tomou parte no primeiro Concílio, o de Jerusalém. Em seguida, foi evangelizar a Mesopotâmia, Síria, Armênia e Pérsia. Neste país recebeu a companhia de outro apóstolo, Simão. A pregação e o testemunho de Judas Tadeu impressionavam os pagãos, que logo se convertiam. Isto provocou a inveja e fúria contra o apóstolo, que foi trucidado, a golpes de cacetes, lanças e machados, por volta do ano 70. São Judas Tadeu foi mártir, quer dizer: mostrou que sua adesão a Jesus era tal, que testemunhou a fé com a doação da própria vida.

A brevíssima Carta de São Judas, que está na Bíblia, é uma severa advertência contra os falsos mestres e um convite a manter a pureza da fé. Nos versículos 22-23 propõe pontos fundamentais de um programa de vida cristã: fé, oração, auxílio mútuo, confiança na misericórdia de Jesus Cristo.

A imagem de São Judas tem o livro, que é a Palavra que ele pregou e a machadinha, com a qual foi morto. Os restos mortais, após terem sido guardados no Oriente Médio e na França, foram definitivamente transferidos para Roma, na Basílica de São Pedro.

 

ENDEREÇO: Praça Conêgo Oscar Serra de Amaral, 40
BAIRRO: Vila Amendola
CIDADE: Catanduva
CEP: 15801-080
TELEFONE: (17) 3522-0540

 

informacoes
SECRETÁRIA: Marina Isabela Sedran
EMAIL: [email protected]
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO SECRETARIA:
Segunda a sexta das 08h00 às 11h00 e das 12h30 às 17h00
Sábado das 08h00 às 12h00

 

horariomissas
SEGUNDA: 07h00 e às 19h30 Matriz
TERÇA:
07h00 e às 19h30 Matriz
QUARTA: 07h00 e às 19h30 Matriz
QUINTA: 07h00 e às 19h30 Matriz
SEXTA: 07h00 e às 19h30 Matriz
SÁBADO: 19h00 Matriz
DOMINGO: 08h00, 09h30 e 19h00
Sábado Missa Capela São Cristóvão às 18h00Domingo Missa no Km7 às 07h00

 

confissoes
SEGUNDA: das 08h00 às 09h30 das 13h00 às 14h30
TERÇA: das 08h00 às 09h30 das 13h00 às 14h30
QUARTA:
das 08h00 às 09h30 das 13h00 às 14h30
QUINTA: das 08h00 às 09h30 das 13h00 às 14h30
SEXTA: das 08h00 às 09h30 das 13h00 às 14h30
SÁBADO: das 08H00 às 09H30