Precisamos aprender a viver a catequese da convivência

0

Todo aquele que cresce sem a catequese da convivência jamais estará apto para a vida em comunidade
Acontece conosco que, de tanto usar determinadas palavras, não damos importância ao que elas realmente querem dizer.

“Bom dia!”

“Como vai?”

“Bem, graças a Deus!”

Nem sempre quem pergunta quer resposta, nem sempre quem responde está respondendo. Falamos, porque todo mundo fala isso quando se encontra. Mas será que pensamos o que essas frases, de fato, significam?

O que é catequese do “COM”?
Há uma mística profunda na preposição ‘com’, sem a qual o cristianismo seria uma religião só de fachada. É o ‘com’ que dá sentido ao cristianismo. Ex.: comum, comunidade, comungar, comunicar, companheiros, compaixão, condescendente, compreensão, Deus conosco, convivência entre outras.

Quem for ao dicionário olhar a raiz dessas palavras que começam com a preposição ‘com’ descobrirá o outro entrando em nossa vida ou nós entrando na vida dele, pois o significado supõe sempre a presença dos outros, aponta para a existência e a importância deles para nós. Só é sábio quem sabe conviver.

Os pais procuram pessoas para serem padrinhos e madrinhas de seus filhos, compadres e comadres dos pais, ou seja, pessoas que compartilham da educação da criança, ajudando a educá-las. Deus é Emanuel – EL – Deus; Manu – conosco. A essência da fé cristã está em crer que Deus pôs em comum, comunicou, veio ter conosco, porque tinha compaixão de nós.

Viver bem com as pessoas
A Trindade é uma comunhão de pessoas divinas. Nós confessamos, isto é, professamos juntos, comungamos do mesmo Pão, que é Jesus, e formamos comunidades de fé. Nossas Igrejas precisam ensinar a sabedoria da convivência, até porque nenhuma religião ensinará a viver sem a catequese do conviver. Afinal, foi de um ato comum e de um amor especial que ela nasceu.

Seus filhos não crescerão felizes se crescerem egoístas. Todo aquele que cresce sem a catequese do ‘com’ jamais estará apto para a vida comum ou para a democracia. Vai sempre “dar um jeitinho” de impor o seu jeito.

No início, havia o Verbo. O Verbo estava em e COM Deus.

Padre Zezinho, scj

Ajude-nos a divulgar compartilhe !!!.