A Diocese presa pelo compromisso da evangelização e esclarece não ser parte envolvida no caso em questão, mas, desde já, se coloca a disposição para contribuir e sempre auxiliar a justiça. Informa, também, que acompanhará o desfecho no que lhe competir. Além disso, esclarece que sempre orienta os seus membros a atuarem com transparência em seus atos e comunicar as autoridades competentes de quaisquer ilícitos que forem constatados, seja no ministério da evangelização ou nos atos privativos de seus membros.

Share.